Cultura

17 Dez 2020

Celina Pereira morre no mesmo dia que Ceséria Évora

 
 


A cantora Celina Pereira morreu hoje (17), aos 80 anos, em Lisboa - onde residia, vitima de doença prolongada. Cesária Évora, a Diva dos Pés Descalços morreu, também no dia 17 de dezembro, há 9 anos.

A coincidência de datas de duas grandes figuras da cultura caboverdiana. Celina Pereira, ao contrário da Cesária Évora não teve carreira pelos palcos do mundo, centrado praticamente em Portugal e Cabo Verde.

Celina Pereira, nasceu na ilha da Boa Vista, no dia 10 de setembro de 1940, sobrinha de Aristides Pereira, o primeiro Presidente de Cabo Verde. Lançou o primeiro "single", "Bubista, Nha Terra/Oh, Boy!", em 1979. Em 1986 lançou o primeiro disco "Força di Cretcheu" (Força do Meu Amor), seguido de "Estória, Estória... No Arquipélago das Maravilhas" (1990), "Nós Tradição" (1993), "Harpejos e Gorjeios" (1998) e "Estória, Estória? do Tambor a Blimundo" (2004).

Em 2003 foi condecorada com a Medalha de Mérito - Grau Comendadora, em Portugal, pelo então presidente, Jorge Sampaio, pelo trabalho na área da educação e da cultura cabo-verdiana.

Em 2014, foi galardoada com o Prémio Carreira na 4.ª edição dos CVMA - Cabo Verde Music Awards.

Em Abril de 2019, foi homenageada, pela Sociedade Caboverdiana de Música, na 2ª edição da Gala "Noite de Autores SCM", na cidade da Praia.

Publicidade




Publicidade




Publicidade